Dado do amor

Deus nos ama e vai sempre nos amar! Essa verdade foi lembrada para os padres palotinos da Região Mãe da Misericórdia durante o retiro anual que foi conduzido por Dom Geraldo de Paula Souza, bispo auxiliar do Niterói. Reunidos na Casa de Retiros – Betânia, em Vassouras, entre os dias de 19 a 22 de fevereiro, os padres através de oração, reflexão, adoração do santíssimo sacramento, meditação da Via Sacra, sacramentos da Eucaristia e Penitência mergulharam no mistério de Deus que é amor.

Uma coisa que nós nunca deveríamos contestar é sobre o amor de Deus por nós. Dom Geraldo lembrou que o retiro espiritual é um tempo de graça, de conversão, dado por Deus para avaliar como está a nossa relação com Deus, com os irmãos e irmãs e com a coisas e para podermos reorganizar a nossa vida. Refletindo sobre o amor de Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo, mostrando a Nossa Senhora que nos ama como Mãe queremos responder a esse amor amando o próximo, assim como fez beato palotino Pe. Richard Henkes, cuja memória celebramos durante o retiro.

Ao longo da história da salvação, podemos perceber vários sinais do amor de Deus. O maior sinal de que Deus nos ama podemos ver em Jesus Cristo. Ele enviou o Seu Filho amado para dar a vida por nós, para nos tirar do pecado, para nos resgatar. Não existirá maior prova do amor de Deus por nós senão Jesus Cristo.